DouradosFixoPolítica

DEM diz que aguarda apuração para se manifestar sobre vereador preso por violência doméstica

Juíza cita risco à vítima e nega liberdade para vereador acusado de violência doméstica

A diretoria municipal do DEM em Dourados diz que aguardará a apuração dos fatos para se manifestar sobre o caso envolvendo o vereador Diogo Castilho, preso na noite de sábado (4/9) acusado de violência doméstica contra a noiva de 27 anos. O fato ocorreu no Parque Alvorada e, segundo a ocorrência, o parlamentar teria chegado a ameaçar a mulher e familiares dela de morte.

Conforme nota da legenda, assinada pelo presidente Madson Valente nesta terça-feira (7/9), o Democratas agirá com prudência até que se tenha os esclarecimentos necessários sobre a situação para logo depois colocar em discussão a pauta.

“Importante afirmar que iremos agir com prudência, aguardando apuração plena e colocando tal pauta em discussão nas instâncias partidárias quando tivermos fundamentos que nos proporcione segurança para julgar tal situação”, diz trecho do material.

Na manhã de ontem, Madson já havia relatado que o assunto seria debatido pelos correligionários nos próximos dias.

Fonte DN.

Redação Gdsnews.

 

Mostrar Mais
Botão Voltar ao topo