EsporteFixoFutebol

Corinthians vence, tem ajuda do São Paulo e se classifica no Paulista

Equipe fez 2 a 0 em Barueri e teve auxílio do rival, que ganhou do Guarani

Como aconteceu em 2004, time o São Paulo mais uma vez salva os corintianos de vexame _ Divulgação

Tal qual aconteceu em 2004, o Corinthians precisou e contou com a ajuda do São Paulo no estadual. A equipe alvinegra derrotou o Oeste neste domingo (26), em Barueri, por 2 a 0, gols de Danilo Avelar e Éderson, e se classificou para as quartas de final. Mas isso só aconteceu porque o clube do Morumbi fez 3 a 1 no Guarani, na Vila Belmiro.

Os agradecimentos devem ir especialmente ao goleiro Tiago Volpi, autor de grandes defesas que garantiram o resultado. Os gols são-paulinos foram de Everton, Helinho e Paulinho. O Guarani marcou com Rafael Costa.

A combinação de placares manteve viva a possibilidade de um inédito tetracampeonato corintiano. Na era profissional do futebol paulista, iniciada em 1933, nenhum time jamais venceu o estadual por quatro anos consecutivos.

O Corinthians também teve a colaboração do bandeira Marcelo Carvalho Van Gasse na Vila Belmiro. Ele assinalou impedimento inexistente em finalização de Rafael Costa, do Guarani, quando o placar era favorável ao São Paulo em 2 a 1. Dois minutos depois, Paulinho marcou o terceiro e definiu o resultado.

A situação atual não foi tão dramática quanto a de 2004 quando dois gols de Grafite deram ao São Paulo vitória sobre o Juventus por 2 a 1. O resultado evitou o rebaixamento do Corinthians.

Nas quartas de final, o Corinthians vai enfrentar o Red Bull Bragantino, dono da melhor campanha. O São Paulo, que já entrou em campo neste domingo classificado, jogará contra o Mirassol. As datas e horários dos jogos ainda não foram confirmados pela Federação Paulista de Futebol, o que deve acontecer nesta segunda (27). É provável que sejam marcados para a próxima quarta (29).

A vaga nas quartas de final aconteceu neste ano pela sequência de duas vitórias corintianas (Palmeiras e Oeste) e duas derrotas do Guarani (Botafogo e São Paulo) nas rodadas realizadas após a volta do futebol, paralisado por mais de três meses, a partir de março, por causa da Covid-19.

É uma classificação que serve como alívio para o presidente Andrés Sanchez, pressionado por problemas financeiros, queda de arrecadação e protestos de torcedores.

A sede social do clube ficou quatro dias sem energia elétrica em abril por atraso no pagamento das contas. A Globo suspendeu o pagamento dos direitos de televisionamento do Campeonato Paulista e o Corinthians deixou de receber de cinco patrocinadores.

Os salários do elenco profissional sofreram atrasos de três meses, mesmo com a redução acertada com os jogadores por causa da pandemia. Ações trabalhistas ou não cumprimento de acordos firmados na Justiça fizeram o clube ter pedidos de penhora de receitas e bloqueio de contas bancárias.

Em entrevista à CNN, Andrés Sanchez disse que o Corinthians perdeu 75% das receitas desde o início da paralisação do futebol.

Integrantes de torcidas organizadas foram ao Parque São Jorge no mês passado protestar contra a diretoria. Os muros da sede foram pichados com mensagens contra o presidente.

Em ano eleitoral (o pleito deverá ser em novembro), o Corinthians também tem de lidar com os problemas do pagamento do Itaquerão. O clube já não depositava para a Caixa Econômica Federal as mensalidades do estádio no ano passado e sofre processo de execução. O caso está em negociação na Justiça, mas o único meio de arrecadação da agremiação para quitar as parcelas desapareceu: a arrecadação em dias de jogos na arena.

A classificação também dá algum fôlego para Tiago Nunes no comando do time, apesar de o futebol em Barueri não ter sido bom.

Em campo, o Corinthians fez apenas o necessário para derrotar o Oeste e ainda contou, assim como havia acontecido no dérbi com o Palmeiras, com as defesas de Cássio, especialmente quando o placar ainda era 0 a 0. Danilo Avelar abriu o placar nos acréscimos do primeiro tempo e Ederson acertou chute de fora da área aos 46 da etapa final.

Apesar de poupar titulares, o São Paulo manteve o mesmo estilo de jogo de toques rápidos e contra-ataques para derrotar o Guarani. O time terminou a primeira fase com a terceira melhor campanha, com 21 pontos, atrás de Red Bull Bragantino (23) e Palmeiras (22).

Os resultados da rodada fizeram com que Oeste e Água Santa fossem rebaixados para a Série A2 em 2021.

PALMEIRAS VENCE DE VIRADA E REBAIXA O ÁGUA SANTA

De volta ao Allianz Parque depois de mais de quatro meses, o Palmeiras venceu o Água Santa de virada por 2 a 1 e se classificou em primeiro do Grupo B, com 22 pontos.

O resultado ajudou a rebaixar a equipe de Diadema, que por um instante esteve classificada para as quartas de final e viu tudo mudar em questão de minutos.

O time alviverde teve soberania na posse de bola durante todo o confronto, mas não mostrou criatividade para furar a retranca do adversário, que, em uma das poucas vezes que foi ao ataque, saiu na frente no placar, com Lucas Silva, aos 17 minutos do segundo tempo.

O empate palmeirense veio aos 26 minutos, com Ramires, de cabeça. Já a virada aconteceu no rebote de um pênalti de duvidoso. Luiz Adriano cobrou, o goleiro Giovanni defendeu, mas a bola voltou para o próprio atacante do Palmeiras desempatar.

A equipe alviverde agora enfrenta o Santo André, em casa, em jogo único das quartas de final.

SANTOS ABRE VANTAGEM, MAS É DERROTADO NO 2º TEMPO PELO NOVORIZONTINO

Já classificado, o Santos perdeu para o Novorizontino por 3 a 2 na Arena Corinthians.

O time de Jesualdo Ferreira começou o jogo bem e chegou a estar vencendo por 2 a 0, com dois gols de Marinho, um em cada etapa.

Após a expulsão do centroavante Uribe, porém, o time permitiu que a equipe do interior virasse o jogo. Os gols foram de Cléo Silva, Guilherme Queiroz, de pênalti, e Batista.

O Santos enfrentará a Ponte Preta no meio da semana, pelas quartas de final da competição, em jogo único.

Confrontos das quartas de final (ainda sem data e horário)

Santos x Ponte

Palmeiras x Santo André

São Paulo x Mirassol

Red Bull Bragantino x Corinthians

Não há vantagem para quem melhor campanha a não ser o mando de campo. Em caso de empates, as vagas par as semifinais serão decididas nas cobranças de penalidades.

 

Mostrar Mais
Close
Close