DestaquesPolícia

Chefe de organização criminosa foragido é preso pela PF na fronteira com o Paraguai

Homem também foi flagrado com arma e responderá por porte ilegal. O método no qual ele chefiava é conhecido por "rifa" entre os bandidos.

A Polícia Federal (PF) prendeu nessa quinta-feira (25) em Ponta Porã, na fronteira com o Paraguai, o chefe de uma organização criminosa com atuação nacional, que age dentro e fora dos presídios. O homem, conforme a investigação, era um dos responsáveis em destinar o dinheiro arrecadado com as atividades criminosas da facção.

Além de agentes de Mato Grosso do Sul, policiais federais de Cascavel, no Paraná, também ajudaram nas buscas. Antes dele, a PF já tinha desarticulado o núcleo financeiro de facção criminosa com atuação nacional, durante a operação Cravada, ocorrida em agosto do ano anterior.

O método no qual ele chefiava era conhecido pelo grupo criminoso como “rifa”. Além do mandado de prisão, o homem também foi preso em flagrante delito por porte ilegal de arma de fogo.

Mostrar Mais
Close
Close